11 de maio de 2017

Limonada na Cuisine Companion































Olá

Limonada é algo tão fácil que vai querer fazer para sempre desde que atinja o "seu ponto certo "

Para mim, o ponto certo é ser ácida, doce e fresca . Muito fresca .

O Truque para a minha  é só um...tal como na vida , não podemos bater muito no limão para que este não passe de ácido a amargo .


Limonada Simples na Cuisine Companion 

  • 3  Limões 
  • 100 Gr de Açucar 
  • 1 Litro de àgua gelada 
Preparação : 
  1. Lave os limões ,  corte em 4 ,  ( com casca , sementes e tudo ) e  coloque na taça,  com metade da água .
  2. Com a Lamina trituradora colocada , carregue no pulse 6 vezes 
  3. Junte a restante água ,  coe e sirva com gelo  .

A Limonada vai sair clara, branca e deliciosa

Agora que já sabe o básico da minha limonada , saiba que  os limões não vão ficar triturados, nem é suposto ,  ficam com bastantes pedaços ainda por aproveitar que eu normalmente utilizo para fazer ainda mais limonada .


E aqui vem a segunda receita  , coloque na taça o excedente dos limões que ficaram no passador  junte de novo  100 gr de açúcar e 1/2 litro de água e agora use o turbo , velocidade 12 durante  1 minuto. Junte o restante 1/2 l de Agua e

Milagre...mais limonada :)
Fica mais fraquinha mas muito boa e nada de deitar fora .

Temos assim 2 litros de limonada fresquinha com apenas  3 limões.
Pode optar por colocar a Hortelã  na jarra para dar um aroma , mas se a juntar  durante a trituração dos limões , fica com uma limonada muito saborosa e de cor verde .


Se  acrescentar morangos , fica com limonada de morango bem rosada
Se acrescentar gengibre fica uma limonada picante e bem saudável
Se colocar 1 limão e 2 maçãs verde , fica com um refresco de maça delicioso que já partilhei aqui 
Se Acrescentar Laranja ou tangerina fica com limonada de tangerina ou de laranja
Se Acrescentar melancia e Hortelã terá uma explosão de verão
Se Acrescentar álcool... bem , se acrescentar álcool não conduza :D



Tantas hipóteses .... todas tão boas !




Experimente como gosta da sua, com menos limão , com menos casca , com ou sem açúcar , com mais trituração , com outras frutas .... .

Hoje partilhei convosco a minha limonada , espero que goste e que me conte como fez a sua .

Para quem tem segue a página de receitas oficiais da Moulinex o link da receita é este 

http://receitas.moulinex.pt/receita/2041-Bebidas-Limonada-Basica-


Sempre ligada ,

Alexandra Caixeiro








8 de dezembro de 2016

Pão de Ló de Margaride na Cuisine Companion




Olá ,
Desta vez trago receita de pão de ló que faço por aqui e que além de ser muito apreciado o ano inteiro é uma óptima sugestão para incluir na vossa mesa  nestes dias de festa.

O Pão de Ló de Margueride é sempre um sucesso por aqui  e em muitas mesas do País. Receita antiga , foi no início do século XVIII que se  principiou o fabrico deste pão de ló  na freguesia de Margaride, no centro de Felgueiras.
Por isso este pão de ló ficou conhecido por “Pão de Ló de Margaride " e tem a fábrica aberta a visitas , aproveitem e visitem a página se tiverem curiosidade aqui  .

A receita adotei e adaptei  da pagina  A Minha Cozinha de Clara de Sousa  , é a que uso por aqui ,  se nunca visitaram este blog , façam uma visita porque é muito bom .

Deixo a receita para as duas formas , tradicional ou com Cuisine Companion
Pão de Ló de Margueride

Ingredientes 

12 gemas 
3 Ovos inteiros 
225 Açucar
100 gr de Farinha  ( uso branca de neve fina )
1 Colher de Café Sal Grosso
uma colher de chá de fermento
Casca de um limão inteiro



Preparação 

Bater as gemas , ovos e a  casca do limão na Cuisine Companion velocidade média /4  durante 15 minutos com acessório batedor 

Aumentar para velocidade 8 e bater mais 5 minutos 


Retirar a casca de limão,peneirar e envolver a  Farinha  e o fermento delicadamente com a colher de pau


       


Colocar em forma de barro ou alumínio grande forrada com 2 a 3 folhas de papel pardo e tapar com tampa de tacho ou folha de alumínio




Levar ao forno a 200° durante 45 minutos . ( Se a forma for de barro demora mais 15 m ) 

E está pronto ! 

Basta tirar da forma e servir no próprio embrulho



Notas :

Eu não tenho a forma própria então vou inventando por aqui, Se não tiver forma de barro com buraco , pode usar várias alternativas , eu já experimentei com tacho de barro e usei forma de pudim flan  ou de barro ( dos gelados ) por dentro para fazer o buraco , mas como o meu tacho de barro é pequeno só posso fazer metade da receita , quando faço a receita toda uso a forma de alumio maior ( n 30 ) a da Molotof 






Pode usar papel A4 , almaço, pardo,  vegetal ou pode até só untar a forma ....
Eu gosto de usar os sacos de papel de pão mas já cheguei a experimentar individuais de papel grosso e resultou também





                                                  


Pode tapar com pirex , folha de alumínio , tampa de tacho,Se usar forma de barro conte que o barro absorve calor e demora mais tempo 




Se não puder experimentar devido à quantidade de ovos que envolve a receita , eu costumo fazer  muitas vezes só metade com forma mais pequena .

Use Metade de todos os ingredientes mas deve  bater exactamente o mesmo tempo . No forno 20 a 25 m / barro 30 m .

Deixo registo de alguns feitos só com metade da massa :

Pão de Ló Margaride metade de receita 


Pão de Ló Margaride metade de receita 




Este Pão de Ló é muito delicado e realmente fofo, por isso  reza a tradição que nenhuma faca lhe deve tocar , avance sem medos e coma partido à mão  .


                             



Espero que tenham gostado  e se experimentarem, contem como foi .

Sempre ligada,
Alexandra 

17 de outubro de 2016

O Pão Caseiro mais fácil do Mundo - Na Cuisine Companion e na Colher de Pau

Olá ! Para Celebrar o dia mundial do Pão e agradecer as 30.000 visitas ao blog , hoje só poderia trazer uma receita ... de pão .

O Pão Caseiro mais fácil do Mundo





Como sabem , adoro pão e faço imenso . Se quiserem mais detalhes está tudo aqui , Eu e o Pão somos velhos amigos :)

Tenho várias receitas aqui no Blog.
Coisas que vou experimentando e resultam , vejo algumas receitas passar , experimento, utilizo as minhas técnicas e a minha experiência , cada vez que corre mal, é para aprender e partilhar o que aprendi, a receita não partilho. Só as que resultam claro :)
Pode viajar um pouco pelas receitas experimentadas e colocadas aqui , muitas ainda tenho que ter tempo para colocar , mas vou colocando as melhores .
Aqui estão algumas que pode experimentar :


Mas hoje decidi não falar muito e colocar apenas a receita certa , aquela que resulta sempre comigo é a do Pão artesanal

Aqui fica a receita do pão mais fácil do mundo :)

Só precisa de um tapawere e Colher de Pau !




A receita é muito simples , coloco as medidas em gramas para ser mais fácil ainda



Num tapawere fundo juntar :
1kg de farinha
11 gr de fermento biológico fermipan
600 ml de água morna
1 colheres de sopa de sal


Vamos fazer pão 

Dentro do tapawere misturar tudo com uma colher de pau ,
não mexendo muito, só ligando.

Não amassando o  Pão artesanal 

Polvilhar de farinha, tapar o tapawere e deixar descansar entre 3h a 12 h dentro de um armário, num canto quente da cozinha  ou até dentro do forno desligado .

Eu faço ás vezes 3h de fermentação ,outras tenho mais tempo e deixo levedar toda a noite que resulta num pão mais suave



Aqui o resultado da Fermentação de 12h
Fermentação Pão artesanal  após 12h 

Para a Cuisine Companion :
Juntar tudo na Cuba , usar acessório Lamina Amassar , Seleccione 1 minuto, velocidade 4 . Deixar levedar na cuba da Cuisine Companion o tempo que achar necessário ( 3 a 12H ) sem temperatura , bem fechada e de preferência tapada com um pano ou cobertor.
Após essa levedura faça os passos seguintes iguais ao modo tradicional.
Para Guardar no Frio, escolha um tapawere alto com tampa como nas fotos atrás.

Continuando agora igual para Modo Cuisine Companion e modo colher de pau :

Para fazer o pão logo , no próprio dia ,  não precisa esperar 12h , pode esperar Meia hora , 1, 2, ou 3 horas  , abra o tapawere ou a tampa da CC e retire um pouco da massa e avance !

 Tape de Novo para o resto  continuar a fermentar e ter mais pão ( e melhor ) ao Jantar de amanhã ....

Agora Vamos fazer o pão !

  •  Polvilhe a bancada com farinha, coloque o pedaço de massa que retirou   e com a mão e forme uma bola , só tendendo a forma de bola  sem amassar , embora a massa esteja pegajosa , tente não adicionar muita farinha neste passo para não secar muito a massa.
  • Enquanto isso ligue o forno a 250º - que convém estar bastante quente quando o pão entrar .
  •  Polvilhe uma folha de  papel vegetal e o pão com farinha (  gosto de aqui usar a farinha de milho da PAN , vai dar um crocante óptimo e um ar rústico ao pão , mas farinha normal também serve )
  •  Deixe levedar mais 45  em local abrigado de frio , pode colocar a taça do pirex por cima para não entrar frio e tapar com um pano .
Nota : Também aqui , se não lhe apetecer esperar pode levar directo ao forno , mas lá está , quanto mais fermentar melhor e esta 2a fermentação vai fazer com que o resultado seja bem melhor mesmo...tenha paciência  .

  • Ao fim dos 45m faça uns cortes na massa  com uma tesoura ou faca para  ficar com desenho rústico 
Imagem de outro pão para exemplificar técnica

 Coloque  o pão num Tabuleiro e Tape com uma Taça de Pirex
Imagem de outro pão para exemplificar técnica 
Nota : Neste passo , não se atrapalhe com ter um Pirex igual ao meu , a ideia é o vapor solto pelo pão não se perder pelo forno fora e criar simultaneamente um efeito de estufa .
A imagem é de uma saladeira Grande , gosto de usar a grande para o pão poder crescer com espaço .
Se não tiver redondo pode usar quadrado , desde que o pão não toque no vidro.
Pode usar também um tacho velho de alumínio ou de barro virado ao contrário se não tiver um pirex .
Caso use Barro , saiba que como este absorve o calor vai demorar mais tempo a deixar o calor entrar no pão , se usar , deve pré-aquecer o tacho de barro durante o pré-aquecimento do forno .
  • Coza 25 m a 250º Tapado 
  • Ao fim dos 25 m destapar , baixar a temperatura para 220º , deixar cozer mais 15 a 20 m destapado para ganhar cor . 
No final tente não abrir logo o forno e deixe o pão arrefecer um pouco dentro do forno desligado para terminar a sua cozedura e não libertar logo aqueles vapores ( que adoramos sentir mas que são nada mais nada menos que a água da massa do pão que ao evaporar  vai retirar humidade e o tornar menos fofo ) 

E Cá está ele  !


Não é pão milagre que não leveda , é fácil e resulta mas demora um bocadinho .

Mas ele é tão Fácil que é moldável aos vossos gostos e necessidades , que se quiserem fazer um milagre e levar logo ao forno sem levedar também podem ,já testei e achei que ficava um pouco massudo, quente até marcha bem , mas se deixar levedar fica muito , mas muito melhor .

Ficam aqui os outros resultados para ver que resulta sempre mesmo com pouca fermentação :


3 Horas de fermentação no balde 

Pão artesanal 3h fermentação


12 horas de fermentação no balde

Pão artesanal 12 horas fermentação


Pão artesanal 12 horas fermentação

Após levedar cá fora 12h começa o milagre da fermentação a frio

Guardo a restante massa   no Frigorífico , onde vou tirando na medida que quero e acrescentando mais farinha água e Sal ( fermento  não precisa ) para ter sempre pão pronto a fazer .
Ao fim de dias e  semanas sempre a usar e a alimentar com mais farinha e água consigo um pão ainda mais espectacular .


   Porporções para  alimentar massa no frio :

Lembre o pão é quase sempre proporção de  60 % água  , isto é , se leva 1 kg de farinha deve levar 600 ml/ gr  de água . Fermento 6% .
Aqui a massa não precisa de acrescentar fermento pois ela própria é uma massa madre , ou seja massa fermento . Acrescente sempre água e farinha na proporção básica , 100 gr de farinha / 60 Gr de água , ou na proporção que lhe apetecer , desde que respeite esta base.

 Quanto tempo devo deixar a massa no frigorífico ?
Muito !Eu faço assim, coloco no frigorífico num balde fechado ( o das pipocas do continente ) e vou tirando massa consoante preciso, todos os dias , dia sim dia não , só ao Sábado, o importante é alimentar a massa , retira e coloca mais farinha e mais água e mais sal .Mesmo que ganhe uma cor acastanhada , retire esse liquido e volte a colocar farinha .De vez em quando, uma vez por mês talvez , pode gastar tudo e iniciar de novo o processo com massa nova .

Com 12 H de frigorífico 

 

Com 2 dias de Frigorifico 






Com 2 semanas de frigorífico 
Pão artesanal 2 semanas  semanas no frio


Pão artesanal 2 semanas  semanas no frio


Com 4 semanas no frigorífico 



O interior ....ai o interior ...Tão Bom !


Já cheguei a tirar do frio directo para o forno o que resulta muito bem também numa pressa , o pão leva um choque térmico tão grande que faz estes buracos espectaculares no seu interior .




Espero que tenham gostado, por aí farão como acharem melhor , rápido ou levedado , na Colher de pau ou na Cuisine Companion , mas experimentem esta técnica de não amassar , levar pouco fermento ,melhorem com guardar no frio para fazer levedura a frio e digam lá se não resulta .



Por aqui é a que uso mais e a que resulta melhor !
Se experimentarem por aí , contem como foi por aqui ,

Sempre Ligada
Alexandra Caixeiro




22 de setembro de 2016

Sumo de Tangerina e Limão na Cuisine Companion



Olá , desta vez deixo a receita do refresco , sumo de tangerina limão .

Faço exactamente igual aos sumos de Maçã/limão  Maça / Laranja 

com uma diferença , como este sumo leva os frutos com casca , não os desfaço em puré pois ficaria muito forte e ácido  , utilizo como na limonada , apenas toques de pulse que após coar , deixa bastante fruta no cesto , o que faço com essa fruta ?
Mais água e açúcar volta á Cuisine Companion e dá  mais um jarro deste sumo :)


Vamos à receita :


Ingredientes

  • 1 Limão bem lavado com casca 
  • 2 tangerinas com muito sumo ( ou tangeras ) 
  • 1 litro de água fresca
  • 100 gramas de açúcar
  • Cubos de gelo, q.b.

Preparação
  1. Lave bem as peças de fruta. Corte em quatro 
  2.  Deite-as no copo , juntamente com a água e o açúcar. 
  3. Tape  e dê uns 5 ou 6 toques de turbo.
  4. Coe e sirva com gelo .

Este sumo fica género refresco, podemos avariar para outros niveis :
O sumo fica mais refresco.... nesta receita com pulse 


Para que fique espesso , em vez de pulse utilize 1m na velocidade 12 , fica um pouco ácido  devido ás cascas dos citrinos mas com muita vitamina C 



Mais espesso com velocidade 12 reduzindo a puré 


Outra opção é descascar metade do limão e uma tangerina para nivelar a acidez .


Outra opção ainda para ter um sumo mais rico e espesso sem tanta acidez é usar só as tangerinas , deixando apenas uma com casca  as outras descascadas / experimente como aqui usar 4 tangerinas para 1 litro de água  e velocidade 12
Vai ficar mais dispendioso mas muito mais rico em sabor .



Qualquer uma das formas de confecção acima mencionadas vai resultar num sumo de textura e sabor completamente diferente .

Experimente , experimente ...experimente ! Até achar o seu ideal .

Espero que tenham gostado e se experimentarem contem como foi !

Sempre ligada ,

Alexandra Caixeiro 


15 de setembro de 2016

Sumo Maçã Laranja Gengibre na Cuisine Companion e não só


Olá !  Continuando as avarias nos sumos , como faço muitos diferentes , acabo por fazer várias avarias nesta área mais liquida e existem algumas  que resultam tão bem que devem ser partilhadas .

É o caso desta receita do Sumo de Maçã Laranja ,  que costuma ser muito apreciado cá por  casa e que faço imensas vezes e vem sempre acompanhado de  um "  muito bom ! " rasgado na mesa .


Vamos lá ,



Ingredientes
  • 3 maçãs Vermelhas ( se forem de Alcobaça ,as riscadinhas ,melhor ) a da imagem é uma royal gala  mas podemos usar qualquer uma  
  • 1 laranja descascada
  • 1 rodela  de gengibre fresco descascado
  • 1 litro  de água fresca
  • 100 gr açúcar




Acessórios –Lamina Ultrablade

Preparação: 


  1. Coloque no copo cortadas em 4  as maçãs com casca, a laranja descascada , o gengibre, o açúcar e metade da  água: seleccione na Cuisine Companion  1minuto -  velocidade 10 
  2. Adicionar a  restante água durante funcionamento entre  os  segundos 50 e 60 segundos  pelo orifício.
  3. Coar- Servir com gelo caso a água não esteja muito fresca




Preparação na liquidificadora :

  • Juntar todos os ingredientes no copo 
  • Usar só  metade da água  para não vir por fora 
  • Utilizar a velocidade rápida 30 segundos 
  • No final adicionar a restante água 
  •   Coar e servir com gelo caso a água não esteja muito fresca .


Nota :   Este sumo , como não leva limão deve ser consumido de imediato pois oxida rápido , na meia hora seguinte a ser feito.
Faça-o apenas para servir na hora durante refeições,  lanches ou estados de vontade aleatórios.
Não é apropriado para guardar no frigorífico para ir bebendo  ou estar numa mesa de festa muito tempo .

Tem vezes que acrescento  um limão descascado a este sumo , fica muito bom também .


Por aqui gostamos mesmo muito , espero que seja também do vosso agrado ,
Se experimentarem por aí , contem-me por aqui como foi .

Sempre ligada 

Alexandra Caixeiro